Perfil:
Receber Pagamentos


Arquivos:

Amigos (0)::

POSTS

Dica gramatical I
07/08/2014 às 12:53

“Para que um módulo de pagamento online funcione ao máximo, além de disseminado, ele precisa ser melhor explicado”. Esse é um trecho que eu li há pouco numa revista especializada, como podem ver encontramos o uso da forma sintética dos comparativos de superioridade do adjetivo “bom” e do advérbio “bem” diante de um verbo no particípio.

Embora algumas gramáticas aceitem esse tipo de construção, é importante salientar que não é a forma recomendada. Numa comparação entre dois textos e numa comparação entre duas ações podemos utilizar “melhor”. Mas, diante do particípio, não se faz a substituição por “melhor” porque o intensificador “mais” incide sobre o conjunto representado por “bem+particípio”.

Portanto, esse texto deveria ser reformulado para: “Para que funcione ao máximo, além de disseminado, o módulo de pagamento online precisa ser mais bem explicado”



Comentários



Fraude em vendas online
06/08/2014 às 15:51

O juiz acolheu o pedido da defesa no sábado passado e o único imputado enfrentará o processo fora da prisão.

Foi liberado o indivíduo que oferecia brinquedos através das plataformas de vendas online, aceitava receber pagamentos online, mas depois não entregava os produtos e ficava com o dinheiro.

O homem acusado declarou perante a Justiça e, mesmo tendo reconhecido que realizava vendas online fraudulentas, a defesa dele fez o pedido para que ele pudesse deixar a prisão e o juiz concedeu sua liberdade no sábado passado à tarde.



Comentários



Projeto de Lei de Vendas Online
05/08/2014 às 14:38

A partir de hoje será aplicada integralmente a Lei de Vendas Online, que foi ratificada em todos os seus artigos. Hoje é uma grande conquista do mundo das transações online.
A maioria da Corte declarou todos os artigos do projeto de Lei de Vendas Online constitucionais: o artigo referente ao prazo de transferência de módulos de pagamento online quando uma empresa supera o limite; o artigo referente ao limite de módulos de pagamento online; o artigo sobre a concentração de módulos de pagamento online.

 

Para todos os juízes, a lei é constitucional, mas existem diferencias quanto à aplicação da norma: a partir da venda de módulos de pagamento online, as empresas afetadas receberão uma indenização econômica e, segundo indicaram fontes judiciais, isso requererá um longo caminho de discussões nos Tribunais.



Comentários



Projeto de Lei de Vendas Online
05/08/2014 às 14:36

A partir de hoje será aplicada integralmente a Lei de Vendas Online, que foi ratificada em todos os seus artigos. Hoje é uma grande conquista do mundo das transações online.

A maioria da Corte declarou todos os artigos do projeto de Lei de Vendas Online constitucionais: o artigo referente ao prazo de transferência de módulos de pagamento online quando uma empresa supera o limite; o artigo referente ao limite de módulos de pagamento online; o artigo sobre a concentração de módulos de pagamento online.

 

Para todos os juízes, a lei é constitucional, mas existem diferencias quanto à aplicação da norma: a partir da venda de módulos de pagamento online, as empresas afetadas receberão uma indenização econômica e, segundo indicaram fontes judiciais, isso requererá um longo caminho de discussões nos Tribunais.



Comentários